Ocorreu um erro neste gadget

quarta-feira, 20 de abril de 2011

Respeito: passe adiante



"Penso que é isto o que torna perturbadora a homossexualidade: o modo de vida homossexual muito mais que o ato sexual mesmo. Imaginar um ato sexual que não esteja conforme a lei ou a natureza, não é isso que inquieta as pessoas. Mas que indivíduos comecem a se amar, e aí está o problema. A instituição é sacudida, intensidades afetivas a atravessam, ao mesmo tempo, a dominam e perturbam. Olhe o exército: ali o amor entre homens é, incessantemente convocado e honrado. Os códigos institucionais não podem validar estas relações das intensidades múltiplas, das cores variáveis, dos movimentos imperceptíveis, das formas que se modificam. Estas relações instauram um curto-circuito e introduzem o amor onde deveria haver a lei, a regra ou o hábito".
(Michel Foucault)

Passe adiante!

Um comentário:

  1. Gostei que tenhas passado adiante. Pesquisei esse texto porque é de um cara sobre quem estudamos na faculdade (não sei se em Direito também), que tem muitas teorias sobre Linguística e Comunicação. E surpreendentemente, ele falou algo muito sábio sobre homossexualismo. Gostei.

    ResponderExcluir